domingo, 19 de abril de 2009

sobre escrever e sobre ti

queria escrever um poema... mas não sei... queria escrever um conto... mas não sei... queria escrever uma crônica... mas também não sei...
tudo o que sei é jogar palavras... no papel, na tela do computador... palavras cuspidas, vomitadas, atiradas ao acaso...
como num blefe de pôquer.... em que, apesar de toda a técnica e conhecimento, no final apenas se torce para que tudo de certo... tudo esteja na posição correta, no momento correto...
agora atiro palavras sobre nada... sobre tudo... sobre viver... sobre sentir... sobre confusão...
palavra sempre presente na minha vida: confusão... não me sinto apaixonado... longe disso... mas queria te ver... novamente...
pq na primeira vez que encostei no teu ombro, me senti confortável, me senti no lugar certo... aconchegado...
como eu disse há pouco, me transformei novamente em um adolescente... gracias =)
p.s.: os textos parecem tristes.... mas não o são... são apenas contemplativos... e a contemplação sempre nos leva ao íntimo, ao que está escondido... ao que é sorriso tapado com a mão, que mais parece choro...

Um comentário:

carolinda disse...

ai me arrepiei com o escrito.